ZUM ZUM ZUM

28/07/2021 as 15:30

Youtuber Raulzito é preso por suspeita de estupro de vulnerável

Duas mães de crianças procuraram a delegacia para dizer que os filhos teriam sofrido abuso de Raulzito

Notícias ao Minuto
<?php echo $paginatitulo ?>

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A polícia do Rio de Janeiro prendeu na manhã desta terça-feira (27) o influenciador digital Raulino Oliveira Maciel, conhecido como Raulzito. Ele foi detido em Florianópolis (SC) sob acusação de estupro de vulnerável pela equipe da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV).

De acordo com nota enviada pela polícia civil do Rio de Janeiro ao jornal Folha de S.Paulo, a ação foi em cumprimento a um mandado de prisão temporária. Duas mães de crianças procuraram a delegacia para dizer que os filhos teriam sofrido abuso de Raulzito. A reportagem não conseguiu contato com a defesa e não teve respostas de solicitações feitas por meio das redes sociais do acusado.

Os casos teriam acontecido em Niterói (RJ) e em São Caetano do Sul (SP). As supostas vítimas, com idades entre 10 e 14 anos, são atores mirins de teatro, cinema e TV. As investigações apontam que, por meio do perfil no Instagram, o youtuber teria forçado contato com as crianças prometendo acesso a trabalhos, usando, inclusive, o nome da emissora na qual atuava, o SBT, para alcançar o objetivo.

"Diante dos relatos das vítimas, a equipe da DCAV solicitou à Justiça mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão temporária. Ele foi localizado e preso", diz trecho final do comunicado.

O delegado Adriano França informou que espera identificar outras possíveis vítimas do youtuber durante o inquérito. As investigações estão sob sigilo. De acordo com a explicação de França ao UOL, as polícias de Rio e São Paulo trabalham conjuntamente para localizar e identificar outras possíveis vítimas de Raulzito.

"O advogado dele pediu para que ficasse em silêncio. Ele só vai prestar declarações, ou não, na sede policial, deve chegar aqui no Rio por volta das 21h", disse. "É possível falar que existem outras vítimas, alguns nomes já constam nos autos, ainda não chamamos [para prestar depoimento], porque não era o momento e alguns não foram localizados, mas já estamos providenciando isso, inclusive em conjunto com a polícia paulista", esclareceu.

Com 144 mil inscritos no YouTube, Raulzito usava o espaço para falar sobre games e jogar com talentos mirins. O canal, que é descrito como "totalmente direcionado à família", conta com quase 1,8 milhão de visualizações.

Desde o início de 2021, Raulzito integrava o time do SBT Games, que faz cobertura do mundo dos games e eSports, além de promover lives e gameplays na Twitch, serviço de streaming voltado para videogames. Por meio de nota, a emissora informou que Raulzito foi desligado da empresa.

"O SBT informa que o youtuber Raulino de Oliveira Maciel, o Raulzito, não integra mais o quadro de streamers de SBT Games", diz o comunicado, reforçando que não havia contrato de exclusividade entre as partes e que ele não tinha "direito algum de usar o nome da emissora em negociações fora das propriedades de SBT Games". A nota diz ainda que "aguarda o resultado da investigação" que levou o influenciador à prisão.




Tópicos Recentes