17/10/2020 as 05:19

Vídeo que mostra dinheiro na bunda do senador foi censurado.

O Senador tira sua roupa, deixando à mostra as partes íntimas do seu corpo a vista e retira as cédulas de dinheiro

Política Online

Política
Por Ewerton Júnior
<?php echo $paginatitulo ?>

Na decisão em que determinou o afastamento do senador Chico Rodrigues (DEM-RR), o ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso ordenou que apenas um dos vídeos produzidos na diligência que encontrou R$ 33,1 mil na cueca do parlamentar seja juntado aos autos da investigação sobre desvios de recursos públicos destinados ao combate à pandemia de covid-19, oriundos de emendas parlamentares. A filmagem diz respeito à primeira revista corporal feita no senador na Operção Desvid-19, após os investigadores suspeitarem do 'grande volume retangular na parte traseira das vestes' do parlamentar. No entanto, uma segunda gravação deverá ser mantida em 'cofre da própria Polícia Federal, em absoluto sigilo', segundo a determinação de Barroso. A medida se dá em razão de o registro exibir 'demasiadamente a intimidade do investigado e não produzir acréscimo significativo à investigação'. "Se comprovada a culpabilidade do investigado, estará justificada a sua punição, mas não sua desnecessária humilhação pública", ponderou o relator da Desvid-19.

A decisão atende pedido da Polícia Federal e diz respeito a uma segunda revista corporal feita no senador. "Num segundo momento, diante do precedente que se apresentava, a equipe realizou novo registro em vídeo do momento em que a autoridade policial, o Senador e seu advogado se dirigem a uma sala reservada e lá a autoridade solicita ao Senador que retire todas as demais cédulas eventualmente ainda ocultas em seu corpo. Nesse momento, o Senador retira parcialmente sua roupa, deixando à mostra e visíveis ao espectador as partes íntimas do seu corpo e termina a retirada das últimas cédulas de dinheiro", descreveram os investigadores. Nessa linha, a PF argumentou que o vídeo 'exibe a intimidade' do senador e seu anexo aos autos da investigação 'não acrescentaria de forma significativa a produção de prova quanto a ocultação de valores. "Isso posto, buscando resguardar a intimidade do investigado em confronto com a necessidade de produção de prova para a investigação criminal, solicito de Vossa Excelência manifestação quanto a possibilidade de juntada apenas do primeiro vídeo aos autos, mantendo-se o segundo sob custódia e responsabilidade desta Polícia Federal até eventual trânsito em julgado do processo", ressaltou a PF no pedido a Barroso.

COVID-19

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgOU o boletim epidemiológico do coronavírus, com 192 casos e seis novos óbitos. Em Sergipe, 80.925 pessoas já testaram positivo para a COVID-19 e 2.124 morreram. Dos seis óbitos, cinco estavam em investigação e foram confirmados. Até o momento, 73.686 pacientes foram curados. Metade das mortes ocorreu em Aracaju: homem, 33 anos, com hipertensão; e duas mulheres, de 75 anos, com neoplasia e hipertensão e de 77 anos, com alzheimer. Os demais óbitos ocorreram no interior do estado: mulher, 90 anos, de Japaratuba, com hipertensão; homem, 57 anos, morador de Poço Verde, sem comorbidades; e homem, 81 anos, de Salgado, com hipertensão e neoplasia. Foram realizados 181.809 exames e 100.884 foram negativados. Estão internados 200 pacientes, sendo 91 em leitos de UTI (70 na rede pública, sendo 67 adultas e 3 pediátricas; e 21 na rede privada, sendo 21 adultas e 0 pediátricas) e 109 em leitos clínicos (84 na rede pública e 25 na rede privada). São investigados mais quatro óbitos. Ainda aguardam resultado 1.153 exames coletados. Mais detalhes sobre o novo boletim epidemiológico da Covid-19 em sergipecontraocoronavirus.net.br.

ROTAS DO TURISMO I

O governador Belivaldo Chagas sancionou,  as leis Nº 8.771, que cria a Rota do Litoral Sul de Sergipe – Praias do Litoral Sul; Nº 8.772, que institui a Rota da Farinha e a Nº 8.773, que cria a Rota do Baixo São Francisco. As leis foram publicadas no Diário Oficial de Sergipe, nesta sexta-feira (16). A consolidação desses roteiros turísticos é um dos eixos do Programa de Recuperação Econômica – Avança Sergipe. Para que o estado volte a crescer, gerando emprego e renda para o seu povo, o Governo de Sergipe tem como uma de suas metas estimular os setores mais afetados pela pandemia, no qual se encaixa o Turismo. “A oficialização dessas rotas é importante para que possamos oferecer uma melhor estrutura a esses roteiros e produtos turísticos. Nossa preocupação, também é com a geração de emprego e renda, pois sabemos que o turismo tem essa capacidade de ampliar o desenvolvimento do nosso estado. Sergipe tem belas paisagens, tem um povo hospitaleiro e muita cultura, com essa iniciativa queremos ampliar as possibilidades e despertar o interesse de turistas locais e de fora para o nosso belo e rico estado”, explicou o governador. Nos roteiros turísticos previstos pelo Avança Sergipe também está a Rota do “Vale do Rio Real e Região Centro-Sul”, instituída Lei Nº 8.695, de 29 de junho, publicada no Diário Oficial no último 30 de junho. A rota é composta pelos municípios de Cristinápolis, Tomar do Geru, Itabaianinha, Tobias Barreto, Poço Verde e Riachão do Dantas.

ROTAS DO TURISMO II

Já a Rota do Litoral Sul de Sergipe – Praias do Litoral Sul é composta pelos municípios de Itaporanga D’Ajuda e Estância. Enquanto a Rota da Farinha abrange os municípios de São Domingos, Macambira, Campo do Brito, Itabaiana, Moita Bonita, Ribeirópolis, Santa Rosa de Lima, Malhador, Nossa Senhora das Dores e Lagarto. A Rota do Baixo São Francisco, por sua vez, envolve os municípios de Monte Alegre, Porto da Folha, Gararu, Nossa Senhora de Lourdes, Canhoba, Propriá, Japoatã, Neópolis, Ilha das Flores, Brejo Grande, Itabi, Amparo do São Francisco, Telha, Cedro de São João, São Francisco e Santana do São Francisco. A definição das rotas por lei tem como objetivos a integração turística de Sergipe; o desenvolvimento sustentável do potencial turístico regional; o fortalecimento, ampliação e desenvolvimento da produção local nas áreas turística, cultural e gastronômica e a implantação de mecanismos de educação ambiental. Assim como o incentivo ao empreendimento turístico e à organização produtiva das comunidades locais relacionadas ao turismo, artesanato e a geração de novas fontes de emprego e renda. “Quando novas rotas turísticas são criadas oficialmente, significa que elas estão aptas a receber investimentos oficiais tanto do governo do Estado como do governo federal e outras entidades. Isso mostra, também, a sensibilidade do governador Belivaldo Chagas em entender a importância das rotas turísticas do nosso estado, tanto na sua construção quanto na sua preservação, para que os turistas possam, dentro dos limites destas rotas, receber toda infraestrutura e apoio. E, principalmente, é importante para que esses roteiros possam se transformar em produtos capazes de atrair e conquistar os turistas de fora e daqui do nosso estado”, destacou o secretário de Estado do Turismo, Sales Neto.

ROTAS DO TURISMO III

As leis trazem como instrumentos, o zoneamento ambiental das respectivas regiões; os eventos turísticos constantes nos calendários oficiais de eventos do Estado e dos municípios relacionados às leis. Além dos Conselhos estaduais e municipais de turismo, Conselhos estaduais e municipais de Meio Ambiente; Secretarias estaduais e municipais de Turismo; entidades representativas e associativas da sociedade civil que visam o fomento do Turismo e da Cultura nas regiões; o Fórum Regional de Turismo e o Plano Regional do Turismo. O estado já adota todas as medidas sanitárias necessárias à segurança dos seus visitantes e dos trabalhadores da área e adotou, inclusive, o selo ‘Turismo Responsável – Limpo e Seguro’, o que tem ajudado a ampliar o movimento turístico em terras sergipanas. Para incentivar à procura do Destino Sergipe, a administração estadual, como parte do Avança Sergipe, também, está ampliando o investimento em ações promocionais, que incluem campanhas publicitárias; convênio de mídia compartilhada; caravana do turismo e participação em feiras de turismo. Além da ampliação da infraestrutura turística do estado com a urbanização da Orla Sul (trechos 1 e 3A) e a conclusão do Centro de Convenções de Sergipe.

TOMOU PAU

O juiz José Pereira Neto, da 27ª Zona Eleitoral, em decisão deu pau em um dos programas do candidato do PTB a prefeito de Aracaju, Rodrigo Valadares. Segundo o magistrado, Rodrigo não respeita os fundamentos da democracia e age de maneira inconsequente, atitude impensada para alguém que se predispõe a ser representante do povo. Em resposta à representação movida pelo prefeito Edvaldo Nogueira, o juiz determinou a retirada do ar de vídeo de Rodrigo no qual ataca o gestor municipal de forma grosseira e ofensiva. “Aquele que se predispõe a ser representante do povo não pode se manifestar de maneira impensada, sem ponderar as consequências do que foi dito. E, ainda que isso ocorresse, é notória a voluntariedade do uso de palavras ofensivas e, por óbvio, a presença do dolo. Quanto ao argumento de que o reclamante é pessoa pública e, por isso, está sujeito a maiores críticas, ela não se aplica nesta representação. As ofensas proferidas sobressaem do conceito de crítica e atingem o de ofensa, de modo que deve ser vedado”, afirmou José Pereira Neto em sua decisão, ressaltando que as críticas “sequer se mostram baseadas em fatos que as motive”. O juiz também rebate a justificativa dada por Rodrigo, de que seu víde se trata de uma “ilustração de forma leve”. “De modo diverso ao alegado pelo reclamado, de que sua manifestação é “tão somente uma ilustração de forma leve para os seus seguidores sobre uma crítica contundente acerca do candidato Edvaldo Nogueira”, nota-se que não há leveza nas palavras e imagens utilizadas, tampouco fato claro que as motive, senão a posição adversa do reclamante na eleição para prefeito. Não é isso que se defende e se propaga em uma democracia, que tem por fundamento o respeito aos demais. Além de determinar a retirada do vídeo do ar, ele também estabeleceu multa diária de R$ 1 mil, em caso de descumprimento da decisão.

MONTE ALEGRE/PORTO DA FOLHA

O governador Belivaldo Chagas assinou, Ordem de Serviço para início das obras de reestruturação de parte das rodovias SE-200, SE-317 e SE-230, entre os municípios de Porto da Folha e Monte Alegre, no Sertão sergipano. Esta é a décima primeira Ordem de Serviço do Pró-Rodovias, um dos eixos de ação do Programa de Recuperação da Economia – Avança Sergipe, que prevê a reestruturação de 441,5 km da malha rodoviária estadual, em um investimento de R$ 330 milhões na primeira etapa do programa. “Depois de muito esforço, conseguimos lançar um projeto, no qual vamos reconstruir cerca de 440 quilômetros de rodovias. Isso é extremamente importante, uma vez que nós temos hoje no estado aproximadamente 2.100 quilômetros de rodovias asfaltadas, mas há 600 que se encontram praticamente intransitáveis, e a gente chega e consegue fazer 441 quilômetros. Nós conseguimos R$ 200 milhões via empréstimo com a Caixa Economica Federal, mas colocamos também, com muito esforço, R$ 130 milhões de recursos do Tesouro estadual, fruto de muita economia, perfazendo um total de  R$330 milhões investidos para uma necessidade urgente. Com isso, a gente recupera as rodovias, aquece a economia, gerando emprego e renda”, afirmou o governador em discurso. Belivaldo destacou, ainda, os benefícios econômicos e de geração de renda promovidos pela reestruturação do trecho. “Além da gente reconstruir a rodovia, além de dar mais tranquilidade para população que por aqui circula, a gente ajuda também a aquecer a economia, afinal de contas, são cerca de R$ 330 milhões que a gente está jogando na economia. É geração de emprego, é geração de renda e, com isso, todo mundo sai ganhando”, complementou.

LIBERDADE SEM CENSURA

Pró-Rodovias I

“Tem obra em vários cantos do estado para recuperar a malha viária de Sergipe. São operários, ajudantes, engenheiros civis, motoristas, técnicos de edificações e de segurança do trabalho, entre outros profissionais da construção civil, que já estão trabalhando, e, muito em breve, outras dezenas deles terão empregos assegurados até dezembro de 2021, em razão do Pró-Rodovias. A expectativa é que o programa beneficie mais de dois mil sergipanos com empregos direto e indireto”, pontua o superintendente Givaldo Ricardo sobre a recuperação das rodovias.

Pró-Rodovias II

Já se encontram em execução as obras da SE-170 (Tobias Barreto/Riachão do Dantas), SE-065 (São Cristóvão/Aracaju – João bebe água); SE-170 (Simão Dias/Pinhão), SE-179 (Pinhão/BR 235), SE-240 (Moita Bonita/Serra do Machado; Serra do Machado/Ribeirópolis), SE-290 (Itabaianinha/Umbaúba/BR 101), SE-290 (Riachão do Dantas/Lagarto); SE-220 (Graccho Cardoso/Aquidabã).

Volta às aulas I

Em reunião realizada na tarde desta quinta-feira (15), o Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (CTCAE) decidiu pelo retorno presencial das aulas presenciais de instituições de ensino. Fica autorizado o retorno para as instituições privadas a partir do dia 03 de novembro e, para a rede pública, a partir do dia 17 de novembro.

Volta às aulas II

Em entrevista, o superintendente de comunicação Givaldo Ricardo, falou que  inicialmente, teremos a volta às aulas gradual de estudantes dos terceiros anos, ensino superior e profissionalizante. “Daqui a 15 dias iremos nos reunir novamente para uma decisão final sobre isso, se teremos aulas para este público ainda este ano ou se somente em 2021. O Governo irá homologar a decisão e também publicar o protocolo da SES que irá cuidar de toda a parte sanitária, indicar as medidas que deverão ser adotadas para que haja um retorno seguro”, explicou.

Heliomarto Rezende I

A solenidade de posse do veterinário e tenente Heliomarto Rezende (PDT) como vereador titular de Aracaju, aconteceu na manhã de ontem. A solenidade de posse foi comandada pelo presidente da Casa, Nitinho (PSD), e contou com a participação do superintendente de Relações Institucionais da CMA, Jorge Araújo Filho; o presidente municipal do PDT, Evandro Galdino, além de autoridades, familiares e correligionários. O veterinário Heliomarto assume a vaga ocupada por Sargento Vieira (Cidadania), no dia 8 de setembro deste ano.

Heliomarto Rezende II

“Pela primeira vez um médico veterinário assume um mandato na Câmara de Aracaju e pretendo fazer um trabalho direcionado para que nossa categoria seja reconhecida pelos serviços que prestamos à sociedade”, enfatizou o parlamentar.

SUS I

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que encerra nesta sexta-feira, 16, o credenciamento para prestadores privados de serviços de saúde ambulatorial e hospitalar do SUS com vistas à realização de mutirão de cirurgias eletivas. Está prevista a contratualização de três mil procedimentos de média complexidade para atender a demanda reprimida que se formou com a suspensão dos serviços eletivos durante a pandemia do novo coronavírus.

SUS II

“Quando a pandemia nos surpreendeu no início do ano os procedimentos eletivos foram suspensos. Isso aconteceu por duas razões: porque a rede de assistência precisava se adequar para dar atendimento aos pacientes que estavam sendo acometidos pela Covid-19, bem como porque era importante se evitar aglomerações nos postos de saúde como forma de minimizar o contágio. Isso gerou, como era de se esperar, uma demanda reprimida dos procedimentos eletivos e agora a SES se volta para atender estes usuários”, explicou o assessor de comunicação da SES André Carvalho.




Tópicos Recentes