POLÍTICA

03/08/2022 as 10:52

'É estúpido ficar inelegível por conta de uma cor azul', diz Valmir de Francisquinho


<?php echo $paginatitulo ?>

Valmir de Francisquinho esteve ao vivo nos estúdios da rádio Fan FM, falando sobre a sua situação eleitoral. O ex-prefeito de Itabaiana afirmou que a motivação para a sua condenação no TSE não é coerente. O ainda pré-candidato ao governo de Sergipe conversou com Narcizo Machado, no Jornal da Fan desta quarta-feira, 3.

“É estúpido ficar inelegível por conta de uma cor azul”, disparou Valmir de Francisquinho, que ainda falou mais: “Não tem nenhum impedimento na legislação vigente no Brasil, que diga que um prefeito não pode pintar uma cor nos padrões usados pela bandeira do município”.

Ele nega que o processo já esteja finalizado, Valmir aponta que quem fala isso é quem deseja prejudicar a sua corrida eleitoral. “Foi por conta da cor azul, usada na pintura das obras que nós executamos no povoado Carrilho, onde nós usamos as cores da bandeira do município, a cor do brasão do município, que são as cores verde, azul e branca, acho que não é motivo”, informou o pré-candidato ao governo.

“Até agora, não foi publicado o acórdão. Então, todas as certidões necessárias para a solicitação do registro da candidatura, nós já tiramos, nós temos em mãos, nosso advogado já me passou, desde terça-feira”, relatou.

Valmir está confiante em reverter a situação: “Nós vamos, se Deus quiser, mostrar dentro dos recursos, porque o advogado de acusação fala que até as bandas estavam com o fundo azul dos instrumentos. As bandas não eram da escola municipal, eram das escolas estaduais César Leite e Murilo Braga”, afirmou.

Ele lembra que foi aluno e presidente do Grêmio Estudantil na cidade e afirmou que desde sempre os instrumentos foram forrados com a mesma cor. "Nós forrávamos da mesma forma a frente do bumbo”, apontou.

Sobre a situação do seu filho Talysson Costa (PL), que perdeu o mandato para deputado estadual, no mesmo processo, Valmir afirma que são situações diferentes e que o seu filho está afastado temporariamente até que tenha um “desfecho final”, após os recursos.

“É bom lembrar ao eleitor sergipano que o advogado contratado pelo PSD, onde tem o próprio governador Belivaldo (PSD) e Fábio Mitidieri (PSD) que contratou um advogado, de um escritório de advocacia caríssimo em Brasília”, relembrou Valmir.

FanF1




Tópicos Recentes