POLÍTICA

09/05/2022 as 10:24

MDB continua em “intervenção” em Sergipe mas já montou chapas para 2022

Clóvis Silveira, nome cotado para a presidência do partido, deu detalhes sobre alguns temas que rodeiam o MDB atualmente


Divulgação<?php echo $paginatitulo ?>

Clóvis Silveira, empresário e jornalista, que hoje é filiado ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB), concedeu uma entrevista nesta manhã de segunda, 9, ao Sem censura, na rádio Sara Brasil (97.1). O entrevistado comentou sobre assuntos que envolvem o posicionamento do partido à nível estadual e nacional nestas eleições de 2022.
Como já divulgado por Clóvis, o MDB conta com nomes fortes para concorrer às vagas de deputado estadual e federal em Sergipe este ano. Entretanto, o partido segue com a cadeira da presidência vazia, pois ainda há a discussão interna de quem assumiria o posto: se o próprio Clóvis Silveira ou o ex-governador Jackson Barreto.
O primeiro, tem uma reconhecida trajetória política em Sergipe e costuma atuar nos bastidores de partidos, sendo recém-filiado ao MDB. O segundo já se elegeu como deputado estadual, federal e governador do estado sendo filiado a este partido em suas vitórias. A pretensão atual de Jackson Barreto, é de se candidatar a senador pelo MDB. Porém, Clóvis tem um posicionamento diferente: “Não se encontra nome melhor para o cargo do que o de Valadares Filho (PSB), defendo essa bandeira com unhas e dentes”, declara Clóvis.
Ainda de acordo com o entrevistado, essa  possível pré-candidatura ao Senado de Valadares Filho estaria alinhada à campanha de Rogério Carvalho (PT) ao governo de Sergipe. “Temos essa referência nacional entre o PT e o MDB e aqui no estado deveremos seguir esse posicionamento”, afirma Clóvis.
Além disso, também declarou o desejo de que o MDB voltasse a ser um grande partido e também de haver a “possibilidade clara” que o ex-deputado federal e empresário, Marcos Franco (MDB), pudesse compor essa chapa como vice-governador. “Eu conversei com Rogério, e ele disse que responderá com muito agrado a participação de Marcos”, conta Clóvis.
Nesta sexta-feira, 13, o partido deverá anunciar a pré-candidatura defendida pelo MDB para o Senado. De acordo com Clóvis, ainda nesta semana o imbróglio da presidência do partido será enfim resolvida.


Colunistas


Tópicos Recentes