21/09/2021 as 09:49

MDB em frangalhos

MDB em Sergipe está na UTI, em estágio terminal

Blog do TR

Política
Por Thiago Reis
<?php echo $paginatitulo ?>

Outrora uma legenda partidária forte, com ingresso desejado por inúmeras figuras públicas em Sergipe, o MDB hoje se encontra em frangalhos. Continua sendo um partido forte, mas o diretório estadual está na UTI, evoluindo para o óbito político do partido.

Mas como assim!? O MDB tem um deputado federal, deputados estaduais, prefeitos, vice-prefeitos, vereadores (menos em Aracaju); por qual razão estaria o MDB naufragando em Sergipe!?

Por uma razão simples meus amigos – o que mantém um partido político forte é a sua capacidade em eleger deputados federais. Em Sergipe o MDB possui apenas um deputado federal, Fábio Reis, que comanda o partido juntamente com seu irmão, o ex-deputado federal Sérgio Reis, e que diante da atual situação de precariedade organizacional da legenda, Fábio permanecendo do MDB, dificilmente será reeleito.

Mas quem seria o responsável por apequenar o MDB em Sergipe? Um partido que até bem pouco tempo elegeu o Governador do Estado, e que agora não tem condições de nem ao menos promover a reeleição do único deputado federal eleito pela legenda.

Certamente tanto Fábio quanto Sérgio Reis sabem que se Fábio permanecer no MDB, fatalmente não será reeleito, mas quanto ao ex-governador Jackson Barreto, que deseja ser candidato a deputado federal e que ainda está filiado ao MDB, na condição de Presidente do Diretório Municipal em Aracaju? Jackson vai permanecer no MDB para disputar uma das 8 vagas da Câmara? Por óbvio que não.

E a razão de tal afirmação reside no fato que ainda na disputa eleitoral em Aracaju nas eleições passadas, JB na condição de presidente do diretório municipal do MDB, esvaziou completamente o partido, fazendo com que a legenda não lançasse candidatos a vereador em Aracaju, fato nunca antes visto em eleições anteriores.

Esse comportamento de JB chama atenção para os verdadeiros interesses políticos do ex-governador, que não estão alinhados aos interesses dos irmãos Fábio e Sérgio Reis. JB quer ser eleito deputado federal custe o que custar, e nesse sentido, sacrificar o MDB para deliberadamente forçar a saída dia irmãos Fábio e Sérgio Reis do partido, deixa JB em pé de igualdade na disputa. Porque muitas das lideranças que hoje apoiam Fábio Reis, já estão sendo aliciadas por emissários do ex-governador Jackson Barreto.

O fato é que pelo andar da carruagem, se os irmãos Fábio e Sérgio Reis não abrirem o olho, vão ficar à mercê de opções bastante restritas na composição de uma chapa que possa garantir que o coeficiente eleitoral exigido para eleger um deputado federal seja atingido.

O que JB fez com o diretório municipal do MDB em Aracaju, aos poucos está fazendo com o restante do partido, empurrando o MDB para a constatação do óbito eleitoral.




Tópicos Recentes