16/09/2020 as 05:06

Lula defende Bolsonaro e arrepia Moro

Segundo Lula, Moro usou sua saída do governo para criar um fato político e ganhar a opinião pública.

Política Online

Política
Por Ewerton Júnior
<?php echo $paginatitulo ?>

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu o direito do presidente Jair Bolsonaro indicar o diretor-geral da Polícia Federal e chamou de "pirotecnia" as reclamações do ex-ministro Sérgio Moro de suposta intervenção indevida de Bolsonaro na instituição. "Ele (Moro) é tão medíocre que quando ele sai (do governo) tenta criar mais uma pirotecnia. 'Ai, vou sair porque o Bolsonaro quer indicar o diretor da Polícia Federal'. É importante lembrar que o presidente da República tem o direito de indicar o diretor-geral da PF, sim", disse o ex-presidente em entrevista ao Diário do Centro do Mundo. Moro deixou o governo por discordar das tentativas de Bolsonaro de trocar o chefe da PF em meio a investigações contra o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), filho mais velho do presidente, por participar de um suposto esquema de rachadinha na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. As denúncias de Moro levaram à instauração de um inquérito para apurar a suposta interferência do presidente na corporação que levou à intimação para Bolsonaro depor presencialmente no Supremo Tribunal Federal (STF). Segundo Lula, Moro usou sua saída do governo para criar um fato político e ganhar a opinião pública. "Por que achar que o Moro podia e ele (Bolsonaro) não podia? Ele tenta ganhar a opinião pública tentando mentir outra vez", disse o petista.

Em mais de uma hora e meia de entrevista, na qual sempre se referia a si mesmo na terceira pessoa como "o Lula", o ex-presidente criticou Bolsonaro, mas seu alvo principal foram Moro e a Lava Jato que, na véspera, apresentou mais uma denúncia contra o petista (a quarta) por uso do Instituto Lula para receber propinas da Odebrecht. O ex-presidente classificou como "mentira" a nova denúncia argumentando que nunca exerceu cargo de direção no Instituto. "É como se tivesse alguma coisa no Colégio D. Pedro II e fossem para cima do D. Pedro II. Dei apenas meu nome para o Instituto", disse Lula. O ex-presidente também criticou a postura do novo coordenador da força-tarefa de Curitiba, o procurador Alessandro Oliveira, que substituiu Deltan Dallagnol. "É a mesma coisa que o Dallagnol", disse o ex-presidente. Poucos dias depois de ter dito que está "à disposição" do povo brasileiro para enfrentar o bolsonarismo, fala que foi interpretada como sinal de disposição para disputar a presidência em 2022, caso consiga reaver seus direitos políticos, Lula voltou a dar sinais contraditórios e disse que "não preciso de eleição para estar vivo". Segundo ele, o corporativismo do Judiciário deve preservar Moro. Até o final de outubro o STF deve julgar o pedido de suspeição do ex-juiz feito pela defesa do petista. Indagado sobre o papel de Bolsonaro nos incêndios que há dias consomem o Pantanal, Lula poupou o presidente de responsabilidade na tragédia mas criticou a falta de ações do governo para controlar o fogo. "Eu seria irresponsável se dissesse que a natureza não tem nada a ver com isso. Não estou culpando o presidente Bolsonaro mas estou culpando a irresponsabilidade dele de evitar que isso se torne tão grave", disse o ex-presidente.

COVID-19

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou o o boletim epidemiológico do coronavírus, com 157 casos e seis novos óbitos. Em Sergipe, 75.203 pessoas já testaram positivo para a COVID-19 e 1.962 morreram. Dos seis óbitos, cinco estavam em investigação e foram confirmados. Até o momento, 68.837 pacientes foram curados. Os números do boletim demontram que Sergipe mantém o nivel mais para baixo do Coronavirus, oscilado no número de novos casos e estacionando em óbitos, mas nem por isso a população pode relaxar dos cuidados orientados pela Saúde, para que não haja risco de um retorno da pandemia. Todas as mortes ocorreram no interior do Estado: mulher, 87 anos, de Nossa Senhora do Socorro, com hipertensão e diabetes; mulher, 79 anos, de Ribeirópolis, com hipertensão; homem, 82 anos, de Itabaiana, sem comorbidades; mulher, 49 anos, de Nossa Senhora da Glória, com neoplasia; homem, 86 anos, de Ilha das Flores, com diabetes e hipertensão; e homem, 79 anos, de Poço Verde, sem comorbidades. Foram realizados 158.993 exames e 83.790 foram negativados. Estão internados 208 pacientes, sendo 91 em leitos de UTI (68 na rede pública, sendo 68 adultas e 0 pediátricas; e 23 na rede privada, sendo 21 adultas e 2 pediátricas) e 117 em leitos clínicos (93 na rede pública e 24 na rede privada). São investigados mais sete óbitos. Ainda aguardam resultado 387 exames coletados. Mais detalhes sobre o novo boletim epidemiológico da Covid-19 em sergipecontraocoronavirus.net.br.

DEM I

Ao participar do lançamento oficial da candidatura da delegada Georlize Teles (DEM) à Prefeitura de Aracaju, a senadora Maria do Carmo Alves (DEM) destacou que o projeto do Democratas, abraçado por Georlize e pelo coronel Péricles (vice), contempla os anseios do povo de Aracaju e resgata o legado deixado pelo ex-governador, ex-ministro e ex-prefeito João Alves Filho (DEM). “Estamos preparados para sair de casa em casa, conversando com os aracajuanos, lembrando a história do Democratas que, através de João (Alves) e dos seus integrantes, muito fez por Aracaju e por Sergipe em todos os campos, especialmente, no social”, afirmou a parlamentar, no final da tarde desta terça-feira, ao participar da convenção da sigla. A importância do resgate da história, também, foi enfatizada pelo presidente do diretório estadual do DEM, José Carlos Machado. “João Alves é um homem visionário que, sem sombra de dúvida, muito fez por Sergipe e por Aracaju. Quem não se lembra do programa Pró-Mulher da senadora Maria do Carmo? Do desfavelamento de Aracaju?  O DEM sempre teve essa sensibilidade pelo social e Georlize, juntamente com o coronel Péricles, tem esse compromisso”, afirmou, ressaltando que a candidata dialogou muito no processo de construção da candidatura. “Fomos nós do Democratas que mais pregamos a unidade e o entendimento, mas nos impuseram condições que não podíamos aceitar porque nós temos uma história, um legado respeitado que precisa ser lembrado”, completou Machado. “Procuramos entendimento, mas não foi possível. Estamos no caminho certo e temos certeza que faremos bonito no processo”, afirmou.

DEM II

Após ter o seu nome homologado, Georlize Teles fez um discurso enaltecendo as figuras de Maria do Carmo e João Alves e avisando que não entrou na disputa para fazer “figuração”. Para ela, perder ou ganhar faz parte do jogo. “Eu estou entrando para jogar, para participar da disputa, mostrando o nosso projeto para Aracaju”. Georlize adiantou que “vamos disputar, mas a vitória depende do povo aracajuano”. No seu entender a população precisa de uma prefeita que se comprometa em implementar as políticas que a ela precisa e merece para viver com mais dignidade. Além da chapa majoritária puro-sangue, o partido lançou, em Aracaju, 36 candidatos à Câmara Municipal. Em 19 municípios, o DEM terá postulantes ao cargo de prefeito; em outros 11, terá candidatos a vice-prefeito. “A nossa expectativa é que tenhamos um salto quantitativo e qualitativo”, disse Machado, lembrando que ao assumir o comando da sigla existiam quatro prefeitos filiados; hoje são oito com expectativa de eleger, nas eleições de novembro próximo, pelo menos, 15.

ÚLTIMO DIA

Termina nesta quarta-feira (16) o prazo da realização das convenções partidárias para deliberar sobre coligações e escolher os candidatos que disputarão as Eleições Municipais de 2020. A Justiça Eleitoral prevê mais de 700 mil candidatos no pleito de novembro próximo. A Emenda Constitucional nº 107/2020 adiou a data da votação e alterou o calendário eleitoral em função da pandemia de Covid-19. Todos os prazos eleitorais previstos para o mês de julho foram prorrogados em 42 dias, proporcionalmente ao adiamento da votação. Assim, as convenções partidárias que aconteceriam de 20 de julho a 5 de agosto foram transferidas para o período de 31 de agosto a 16 de setembro. As convenções estão sendo realizadas no formato virtual, atendendo às recomendações médicas e sanitárias impostas pelo cenário de pandemia causada pelo novo coronavírus. Alguns partidos políticos conciliaram os meios virtual e presencial, dando-se a parte presencial de forma descentralizada, com pontos de votação instalados nos diretórios e em locais estratégicos da cidade, observando as leis e as regras de prevenção do contágio. Todas as atas das convenções partidárias serão publicadas no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na página de Divulgação de Candidaturas e de Prestação de Contas Eleitorais (DivulgaCandContas), conforme determinado pela Resolução TSE nº 23.609/2019. As siglas que já realizaram suas convenções e enviaram as respectivas atas podem gerar e encaminhar o pedido de registro dos candidatos à Justiça Eleitoral.

PURÍSSIMO SANGUE

O pré-candidato a prefeito pelo PT, Marcio Macedo, disse, logo após o anuncio da chapa do partido, com a professora Ana Lúcia como vice e a formação de uma Frente de Esquerda, que “ao lado de Henri Clay e de Robson Viana, dos companheiros e companheiras da Rede Sustentabilidade e do PROS, iremos caminhar por Aracaju, dialogar com os cidadãos e mostrar que temos o melhor projeto,que é de cuidar das pessoas, de retomar o Orçamento Participativo. Marcio admitiu que a professora Ana Lúcia foi consenso dos três partidos para vice. “Ela é uma mulher de luta, aguerrida, com trabalhos sociais prestados. Ela foi a deputada estadual mais votada na história do estado. Não tenho dúvida da sua importância no cenário político do nosso estado”, disse. Eu tenho uma história de militância. Eu fui um dos deputados federais mais votados em Aracaju. Tenho uma trajetória muito intensa no partido. Hoje, constituímos uma Frente Progressista de Esquerda, através da Rede, PROS e PT, apresentou-se Marcio Macedo e logo após  agradeceu “aos companheiros do PROS e da Rede Sustentabilidade, disse Márcio. E concluiu: “agora, somos à Frente Progressista de Esquerda, somos o futuro de Aracaju, somos o grupo que cuidará das pessoas. Vamos juntos! Ana Lúcia é uma companheira de sonhos e de luta, sempre ligada às causas sociais e necessidades de quem mais precisa. O seu trabalho como deputada e secretária são exemplos de gestão”

LARANJEIRAS

O MDB realizou a convenção municipal do partido em Laranjeiras, quando confirmou as candidaturas de José de Araújo (Juca), para prefeito e de Jânio Dias para vice-prefeito. Estiveram presentes ao evento, correligionários, apoiadores, empresários e representantes políticos do Estado, a exemplo de Marcos Franco, Tereza Franco, Osvaldo Franco, deputados federais Fábio Reis e João Daniel, deputado estadual Jeferson Andrade, senador Rogério Carvalho, entre outras autoridades locais. A união do agrupamento, que conta oficialmente com o PSD, busca trazer de volta para Laranjeiras a gestão de Juca, que realizou obras e investimentos na educação, saúde, assistência social entre 2013 e 2016. “Quero agradecer ao vereador Jânio por aceitar o meu convite e dizer que a nossa responsabilidade é grande, por que precisamos salvar e reconstruir Laranjeiras, mas não farei isso sozinho e quero trabalhar com todos vocês. Serei apenas o comandante do navio. O povo de Laranjeiras está carente e precisa de um gestor que não engane, que tenha serviço prestado. Portanto, destaco que a esperança vai voltar e vocês serão felizes novamente”, disse Juca Com sua candidatura homologada, Juca ressaltou que a principal bandeira da sua gestão será a política de Assistência Social. “Vamos reconstruir Laranjeiras sim, mas temos uma bandeira maior e vamos cuidar principalmente da assistência social, porque entendo que a crise gerada pelo novo coronavírus exigirá uma atenção maior com a nossa população. Cada programa fará parte de uma rede de proteção social e vamos promover oportunidades e cidadania a cada laranjeirense. Nós podemos até admitir a pobreza em Laranjeiras, mas a miséria não. Por isso, vamos acabar com toda a situação de miséria em nosso município”, frisou.

BARRA DOS COQUEIROS

Os partidos PSD, MDB, PDT e PP se reuniram em convenção no município de Barra dos Coqueiros, e homologaram a candidatura de Alberto Macedo (MDB) para prefeitura da cidade, tendo como vice-prefeito, Tinho Martins (PSD), empreendedor e ex-secretário de turismo e indústria do município. A coligação demonstrou bastante união e consenso e oficializou também cerca de 80 candidatos à Câmara Legislativa. “Quis o destino, nesse meu momento de maturidade pessoal e política, depois de mais três mandatos como vereador, atuando durante dois deles como presidente da câmara municipal,  colocar-me novamente como candidato a prefeito em um dos momentos mais importantes da história da Barra dos Coqueiros. Momento de arrancada do desenvolvimento econômico e social em que a barra tornou-se, em apenas 7 anos e meio, a cidade que mais cresce no Estado de Sergipe”, disse o candidato Alberto Macedo. A chapa majoritária conta com o apoio do atual prefeito do município, Airton Martins (MDB), que mantém altíssima aprovação popular após três gestões como prefeito de Barra dos Coqueiros. “Na minha mente a vitória de Alberto já está certa. O desenvolvimento e crescimento do povo da Barra não pode parar. Alberto é comprometido, honesto e vai continuar trabalhando ao lado do povo”, afirmou o prefeito. Também manifestaram apoio à candidatura de Alberto e Tinho, os deputados Fabio Mitidieri, Laércio Oliveira e Adailton Martins, além do senador Rogério Carvalho, que disse em seu discurso que, independente das circunstâncias, “não deixaria de apoiar homens honrados, leais e que cumprem com suas palavras. Coisa rara de se achar na política atualmente”.

PROPRIÁ

O trabalho do setor Jurídico da Prefeitura Municipal de Propriá fez com que o Juiz da 2ª. Vara Cível e Criminal da Comarca de Propriá analisasse ao pedido e decidisse pela suspensão da CPI instituída por meio da Câmara Municipal até a disponibilização integral do autos. Todos os atos declarados por ela – a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) – podem também ser anulados. Segundo Dr. Valdécio Alef, explicando em Nota, “o Judiciário entendeu que foram negados acessos aos autos e que a atitude vilipendia a atuação do advogado, além de prejudicar o investigado, que, sequer, foi ouvido ou teve seu direito respeitado de apresentar documentos.” Um questionamento que se faz: Quais os motivos para tal postura por parte do Poder Legislativo? Numa forma clara e explicita de perseguição, no afã de promover divulgação de informação e crucificação ao Prefeito Iokanaan Santana – que não obteve acesso ao processo – foi divulgado em rede social que o resultado da CPI já seria do conhecimento e que, só não explanaria ao público, em razões particulares. O Advogado Dr. Alef, uma jovem promessa do campo do Direito no Estado de Sergipe, não perdeu tempo e movendo esforços obteve a liminar em favor do Prefeito Iokanaan Santana, com vista da Justiça e assim, o que muitos já qualificam por CPI da perseguição, pode estar com os dias contados. Por fim, ainda segundo Dr. Alef em Nota, “Apesar das declarações prestadas pela Presidência da Câmara Municipal de Vereadores, através de Nota de Esclarecimento, o Judiciário entendeu que foram negados acessos aos autos e que a atitude vilipendia a atuação do advogado, além de prejudicar o investigado, que, sequer, foi ouvido ou teve seu direito respeitado de apresentar documentos.”

LIBERDADE SEM CENSURA

Suplentes na CMA I
Em entrevista, Adilson do biscoito esclarece os áudios vazados sobre sua conversa com o primeiro suplente Ranulfo, que está na sucessão para assumir no lugar de Jason Neto. “O certo é o certo, o que ocorreu é que muitos políticos de Aracaju demandaram para o partido, que se encheu de candidatos fortes e os mais fracos foram ficando, então acho que agora esses menores também têm direito de assumir seus lugares de direito”, afirmou.

Suplentes na CMA II
“No meu entendimento o Sargento Vieira não deve estar lá como vereador, respeito o espaço dele e não tenho nada contra ele, mas se o mandato era do partido lógico que quem deve assumir é o suplente do partido. Eu falo o que eu penso sem temer a nada e a ninguém, e para mim Ranulfo é o único que deve assumir”, frisou.

Ecoponto I
Por intermédio da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), a Prefeitura de Aracaju instala, nesta quarta-feira, dia 16, às 8h, a Estação de Entrega Voluntária de Resíduos Sólidos - Ecoponto, do bairro 17 de Março, zona Sul da capital. O novo ecoponto está localizado na rua Vereador Manuel Nunes Rezende, s/nº, e funcionará de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h e das 13h às 16h e aos sábados das 7h às 12h.

Ecoponto II
Em entrevista, o presidente da Emsurb Luiz Roberto Dantas falou sobre a entrega desse Ecoponto. “Dentro do planejamento estratégico da prefeitura, que vem sendo realizado durante mais de três anos, entregamos mais um Ecoponto para receber lixo reciclado, esse novo ponto vai ser localizado no 17 de março, de fácil acesso, para que possa possibilitar a coleta desse tipo de resíduo. No levantamento inicial nós tínhamos mais de mil pontos de coleta irregular, e agora mais de 90% desses locais foram desativados”, pontuou.

Eleições em Lagarto
Em entrevista, o pré-candidato a prefeitura de Lagarto, Ibrain Monteiro, conversou sobre as fake news que vem sofrendo. “A todo o momento somos bombardeados aqui no município, e dessa vez pegaram até mais pesado, a gente sabe que aqui em Lagarto tem uma máfia de fake news e ontem fomos surpreendidos por um site criado só para disseminar essas notícias. Dessa vez espalharam que eu e tinha desentendimento com o eu pai por conta da sua esposa Andressa, e eu acho que pra tudo tem limites e a turma de Gustinho Ribeiro está pegando muito pesado”, afirmou.

Alese
Em entrevista para o Programa Liberdade sem Censura desta terça-feira, 15, o diretor de comunicação da Alese, Irineu Fontes falou sobre o novo modelo de jornalismo da Tv legislativa. “Há um grande sistema de comunicação da Alese com TV, radio, sites e redes sociais todos com a função de informar e de mostrar o nosso trabalho e dos parlamentares. Eu fui convidado para assumir a direção de comunicação, e uma das expectativas é a integração desses meios de comunicação, temos uma equipe competente para passar a informação da melhor forma”, pontuou.

 




Tópicos Recentes