CIÊNCIA E TECNOLOGIA

18/01/2022 as 13:19

Microsoft anuncia compra da Activision Blizzard por US$ 68,7 bilhões

A Activision Blizzard é o estúdio responsável por franquias como "Overwatch", "Diablo" e "Call of Duty" e "Candy Crush".


Foto: Unsplash<?php echo $paginatitulo ?>

A Microsoft anunciou a aquisição da Activision Blizzard, um dos maiores estúdios de games do mundo, por US$ 68,7 bilhões.

A Activision Blizzard é o estúdio responsável por franquias como “Overwatch”, “Diablo” e “Call of Duty” e “Candy Crush”.

De acordo com a Microsoft, a aquisição a torna a terceira maior compania de videogames do mundo em receita, logo atrás de Tencent e Sony.

“Essa aquisição irá acelerar o crescimento da Microsoft no negócio de games em dispositivos móveis, PC, consoles e na nuvem, além de oferecer tijolos para [a construção do] metaverso”, disse a empresa em comunicado.

O acordo ainda precisa ser aprovado por órgãos jurídicos e pelo conselho da Activision Blizzard, mas a expectativa é que a aquisição seja concluída em 2023. Até lá, as empresas irão operar de forma independente.

As ações da Activision Blizzard aumentaram mais de 30% nesta terça-feira (18), enquanto as da Microsoft caíram 1,5%.

Jogos têm sido um grande foco da Microsoft nos últimos anos, principalmente durante a pandemia quando as pessoas passaram mais tempo em casa jogando. Em janeiro de 2021, a Microsoft teve receita de mais de US$ 5 bilhões em jogos pela primeira vez.

Além de adquirir o portfólio de jogos da Activision Blizzard e seus 10 mil funcionários, a Microsoft também pretende trazer a base de mais de 400 milhões de jogadores da empresa para dentro de casa.

Foco no mobile

Embora a Microsoft seja conhecida no mundo dos videogames principalmente pelos consoles Xbox, a empresa destaca a importância do mobile na aquisição.

“Mobile é o maior segmento para jogos, com quase 95% dos jogadores ao redor do mundo aproveitando jogos em dispositivos móveis. Com grandes times e grande tecnologia, a Microsoft e a Activision Blizzard irão empoderar jogadores para aproveitar as franquias mais imersivas, como ‘Halo’ e ‘Warcraft’, virtualmente em qualquer lugar que quiserem”, diz a nota da empresa.

“E com games como ‘Candy Crush’, a divisão mobile de negócios da Activision Blizzard representa uma grande presença e oportunidade para a Microsoft neste segmento de rápido crescimento”, conclui.

Outro grande ativo para a Microsoft nesta aquisição é a possibilidade de trazer jogos da Activision Blizzard para o Game Pass, serviço de assinatura da empresa e um dos carros-chefe da divisão do Xbox.

Para efeito de comparação, em 2021 a Microsoft fechou a compra de outro estúdio de games, a Bethesda. A aquisição, no entanto, teve valor quase nove vezes menor:  US$ 7,5 bilhões.

Crise na Activision Blizzard

A Activision Blizzard enfrenta uma série de denúncias de assédio moral e sexual dentro da empresa.

A princípio, Bobby Kotick, CEO da Activision Blizzard, continuará no cargo. De acordo com comunicado da Microsoft, “ele e seu time irão manter o foco em impulsionar esforços para fortalecer ainda mais a cultura de empresa e acelerar o crescimento dos negócios”.

Assim que a transação for concluída, no entanto, a Activision Blizzard irá se reportar a Phil Spencer, CEO da divisão de jogos da Microsoft.

Funcionários da Activision Blizzard já haviam feito greves pedindo para que Kotick renunciasse ao cargo por supostamente estar ciante dos problemas de assédio e discriminação na empresa há anos.

 

Fonte: CNN Brasil


Colunistas


Tópicos Recentes